FORÇA DE VONTADE NÃO CURA DEPRESSÃO!

http://www.secom.ba.gov.br/modules/destaques/uploads/1492024547RIACHAOJACUIPE728x90pxcopy.jpg

Além de sofrer com a doença, a maioria das pessoas que estão em depressão sofre também com as cobranças feitas pelos amigos e pela família para reagir e ser forte.

Precisamos diferenciar depressão-tristeza da depressão-doença, na depressão-tristeza a pessoa tem pelo menos um pouco de força de vontade e isso ajuda ela a melhorar, porém, a depressão-doença (grave) tira da pessoa toda a vontade e a iniciativa, e realizar tarefas simples e rotineiras como, por exemplo, tomar banho, passa a ser muito difícil. Entenda uma coisa: a depressão não é uma tristeza ou uma onda de baixo astral que para a pessoa melhorar só depende da sua força de vontade.

A pessoa deprimida sabe o que deveria fazer, mas simplesmente não consegue tomar uma atitude porque sente um desânimo e uma sensação de impotência paralisante. Por isso, cobrar que ela reaja, seja forte ou tenha força de vontade só vai fazer o deprimido se sentir pior. Não é que o deprimido não quer se ajudar ou não aceita a sua ajuda, a verdade é que ele simplesmente não consegue reagir ainda.

Aprenda: força de vontade sozinha não cura depressão. É preciso tratamento.

 

Priscilla Morais da Silva
Psicóloga Clínica e Organizacional:CRP-03/14728​
Atendimentos: Feira de Santana, Lauro de Freitas e Salvador – BA (presenciais), Itália, Portugal e os demais estados brasileiros (on-lines)

PATRICIA LANE

Patricia Lane é formada em Letras pela UFBA, pós graduada em Estudos Linguísticos e literários, Gestão Escolar, Coach e Mentoria e MBA em Direção de arte, tv e vídeo. Atua como palestrante na área de Oratória e Gestão de Carreira, apresentadora de tv e jornalista politica DRT 006213/BA

Deixe uma resposta