Connect with us

POLÍTICA

PREFEITO DE ALAGOINHAS VISITA O DEP FEDERAL ALEX SANTANA

Published

on

Alagoinhas é um município brasileiro do estado da Bahia. Sua área é de 718,089 quilômetros quadrados e sua população em 2017 era de 150 832 habitantes, tendo portanto uma densidade demográfica de 210,05 habitantes por quilômetro quadrado. Joaquim Neto do DEM foi o prefeito eleito com 26 mil votos em 2018.

Um homem de grande fluência no município e reconhecido pela habilidade de relacionamento entre partidos e políticos baianos, esteve hoje visitando o DEP FEDERAL ALEX SANTANA, do PDT BA.

Sabe se que a conversa entre eles perpassou por assuntos ligados a saúde e bem estar do povo baiano, já que para o prefeito a pasta da saúde é prioridade.

 

DESTAQUE

ACM Neto lança pré-candidatura de Débora Régis em Lauro de Freitas: ‘Não querem a continuidade’

Published

on

By

Em evento realizado nesta quinta-feira (16), o vice-presidente do União Brasil, ACM Neto, lançou oficialmente a pré-candidatura de Débora Régis para prefeita e Mateus Reis para vice-prefeito de Lauro de Freitas. Além dos líderes da oposição na cidade, estavam presentes Elinaldo, prefeito de Camaçari; Dr. Pitágoras, prefeito de Candeias; Bruno Reis, prefeito de Salvador; Marcelo Pedreira, prefeito de Mangabeira; o deputado federal Paulo Azi e o deputado estadual Pedro Tavares.

Em seu discurso, Neto ressaltou a importância do momento de escolha para a população e destacou a decisão clara pela mudança no município.

“Quando a gente é convocado a escolher nosso destino, muitas coisas passam na nossa cabeça, dúvidas surgem, respostas aparecem para enfrentar as perguntas e dúvidas. Quando a gente vai escolher nosso prefeito ou nossa prefeita, a gente pesa muita coisa. Agora, talvez o primeiro julgamento e a decisão preliminar seja fazendo reflexão olhando para nossas vidas e compreendendo a realidade da nossa cidade”, disse Neto.

Neto enfatizou a reflexão necessária sobre continuidade e mudança: “A primeira pergunta que surge é a primeira resposta que a gente precisa encontrar: nós seremos continuidade ou mudança? Essa é sempre e inevitavelmente a primeira pergunta que se impõe à nossa avaliação. Se a gente deseja continuidade ou se a gente quer mudança. E aí, eu diria que nunca foi tão fácil fazer uma escolha em Lauro de Freitas, nunca foi tão claro qual é o caminho que essa cidade precisa seguir e talvez nunca na história de Lauro de Freitas, de maneira tão antecipada, a população já tenha decidido o que precisa fazer para as eleições, porque se há uma certeza que as pessoas têm é que não querem a continuidade.”

Ao ser questionado pela imprensa sobre a escolha de Débora Régis, Neto afirmou: “Digo a vocês, assim que cheguei, a imprensa me parou e me perguntou: por que Débora Régis? O nome de Débora não foi escolha minha, não foi do nosso partido, não foi dos líderes políticos dessa cidade, o nome de Débora foi escolhido por vocês, pelo povo.”

ACM Neto também reconheceu o papel da oposição e a importância dos líderes políticos locais: “Confesso a vocês que os líderes políticos da oposição precisam ser homenageados. Todos sabiam que a oposição tinha alguns nomes que se colocavam como pré-candidatos a prefeito. Todos sabiam que a oposição liderava de ponta a ponta as pesquisas eleitorais realizadas nesta cidade. E aí, no gesto de maturidade, de responsabilidade e de renúncia porque Teobaldo, Mateus, Mirela, Tenóbio, Sapucaia, Juca, João Leao e tantos nomes podiam dizer ‘não’.”

Continue Reading

CURIOSIDADES

Bahia adere ao Plano Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência

Published

on

By

A assinatura do termo contou com a participação do ministro dos Direitos Humanos, Silvio Almeida, durante a abertura da V Conferência Estadual em Salvador.

Durante a V Conferência Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, a Bahia oficializou a adesão ao Plano Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência – Viver sem Limite II, que vai otimizar a captação de recursos pelas secretarias estaduais para iniciativas direcionadas ao segmento. Com o apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos (SJDH), o evento começou nesta terça-feira (23) e vai até a próxima quinta-feira (25).

A abertura do evento, realizada no Gran Hotel Stella Maris, em Salvador, contou com as presenças do vice-governador da Bahia, Geraldo Júnior, do ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania, Silvio Almeida, da secretária Nacional dos Direitos das Pessoas com Deficiência – SNDPD, Ana Paula Feminella e de 280 delegados dos 27 territórios de identidade baianos.

A agenda tem como tema o “Cenário atual e futuro na implementação dos direitos das Pessoas com Deficiência (PCD): construindo um Brasil mais inclusivo”. Trata-se de uma iniciativa do Conselho Estadual da Pessoa com Deficiência (Coede) com o objetivo de discutir e articular propostas, estratégias e diretrizes para as políticas públicas relativas aos direitos das PCDs, que na Bahia, somam cerca de 1,5 milhão de pessoas. “Esse espaço é extremamente importante para nos fortalecer e conseguirmos mais respeito e inclusão”, explicou o presidente do conselho, Sydney Reis Borges, que tem uma história de luta por melhores condições de vida.

“Tive poliomielite com apenas dois meses de idade e desenvolvi uma paralisia nos membros inferiores. Desde muito cedo fazia amizade com outras pessoas com deficiência. Aos poucos percebi que temos muitas coisas em comum, que a nossa luta é igual. Foi quando iniciei um trabalho de representatividade, ainda com muita dificuldade. Esse evento é uma grande vitória”, celebrou Sidney.

De acordo com o secretário da SJDH, Felipe Freitas, a conferência estadual simboliza um novo marco na inclusão social das PCDs no estado da Bahia. “Essa conferência é, primeiro, uma celebração da história de luta contra o capacitismo, toda forma de violência e discriminação. Mas ela é também uma oportunidade de celebrar uma retomada, uma reconciliação no campo do diálogo e da participação social, de olhar para frente e projetar múltiplas formas de inclusão social, política e econômica”, pontuou o gestor, lembrando ainda o anúncio recente de um pacote de ações do Estado com mais de R$150 milhões para investimentos na área de educação, saúde, assistência social e direitos humanos para as pessoas com deficiência.

O vice-governador, Geraldo Júnior, garantiu o apoio do Governo da Bahia, a partir da adoção de políticas públicas de inclusão social. “Este é mais um exemplo do compromisso do governador Jerônimo Rodrigues com as políticas sociais de inclusão, do reforço da cidadania, da acessibilidade, e acima de tudo, do respeito aos direitos das pessoas com deficiência. Celebramos aqui hoje, mais uma página dessa história, de uma parceria importante com o Governo Federal para que essas pessoas tenham seus direitos assegurados também no espaço político”, afirmou.

O ministro Silvio Almeida participou da assinatura do termo e explicou a importância do ato. “É muito importante que o estado da Bahia, tão relevante para a população brasileira, se una e se integre ao esforço nacional na implementação de um plano que foi concebido com a participação social. O plano nacional tem a participação de mais de 22 ministérios e uma série de eixos que envolvem desde participação social, até cidadania, política de acesso à comunidade, política de emprego, trabalho e renda, passando também pela tecnologia assistiva. Enfim, é um plano que busca, de fato, preencher essa lacuna tão importante que é a política de assegurar direitos para as PCDs no Brasil”, apontou o ministro.

O Viver sem Limites II está dividido em quatro eixos: I – aprimorar a gestão pública; II – adoção de medidas de enfrentamento e combate ao capacitismo; III – desenvolvimento de tecnologia assistiva; IV – e acesso a direitos.

Conferência Nacional

A conferência estadual se consolida como uma preparação para o evento nacional. As 25 propostas escolhidas nesta etapa pelos 280 delegados eleitos nos 27 territórios de identidade da Bahia vão subsidiar o debate promovido pelo Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa Deficiência (Conade), na V Conferência Nacional dos Direitos das Pessoas com Deficiência, que será realizada em Brasília, em julho próximo.

Cinco eixos temáticos nortearam os diálogos nas etapas territoriais: estratégias para manter e aprimorar o controle social, assegurando a participação das pessoas com deficiência; a garantia do acesso das pessoas com deficiência às políticas públicas e avaliação biopsicossocial unificada e o financiamento da promoção de direitos da pessoa com deficiência. Além de cidadania e acessibilidade e os desafios para a comunicação universal.

Para a delegada eleita de Feira de Santana, Sueli Lisboa de Oliveira, participar de um evento como este é de extrema importância. “É uma oportunidade de agregar conhecimento para lutarmos por nossas causas. Vivemos diante de muita dificuldade. Me orgulha estar aqui hoje representando a minha cidade. Espero ser escolhida para a etapa nacional”, contou.

Os convidados da V Conferência ainda conferiram as apresentações culturais do Núcleo de Orquestras Infantis e Juvenis da Bahia (Neojiba) e da cantora Manu Dourado.

_Repórter: Simônica Capistrano_

Continue Reading

CIDADES

Governo garante maior esquema de segurança da história da Micareta de Feira, além de atrações e serviços em todos os dias de festa

Published

on

By

Durante evento, nesta terça (9), com a presença do governador, foi anunciado um efetivo de 9,5 mil agentes na operação de segurança, além das ações de saúde, direitos humanos e outras áreas

O Governo do Estado vai marcar presença, mais uma vez, na Micareta de Feira de Santana, com ações e serviços que envolvem diversas secretarias e órgãos, para garantir a segurança, diversão e também direitos do folião. O anúncio do planejamento e das atrações apoiadas pelo Estado foi feito pelo governador Jerônimo Rodrigues, nesta terça-feira (9), em evento no Centro de Cultura Amélio Amorim.

A tradicional festa do município, considerada a maior micareta do Brasil, será realizada entre os dias 18 e 21 de abril, com ações estaduais que celebram a cultura e a identidade do povo baiano. Este ano, o Governo do Estado vai homenagear o cantor e compositor Jorge de Angélica, ícone do reggae do município e da Bahia, que morreu no ano passado.

O governador Jerônimo Rodrigues destaca a importância da festa e anuncia a novidade para este ano. “A Micareta de Feira faz girar a economia da cidade e, pessoas da região inteira se fazem presentes. Esse ano temos uma novidade: nós estamos interiorizando a Micareta de Feira, apoiando com bandas importantes, cantores famosos, fazendo a pré-Micareta em dois distritos importantes – São José e Humildes” pontuou Jerônimo, convidando os foliões para os festejos.

“Nós queremos que não só quem é de Humildes e São José venha para o Micareta de Feira, mas quem é de Feira possa ir no pré-Micareta curtir, se divertir. Além da atração cultural, nós estamos garantindo segurança pública nos dois dias: 13 e 14”, finalizou o governador.

Em 2024, a festa contará, novamente, com o apoio do Ouro Negro, programa promovido pela Secretaria de Cultura do Estado (Secult), que visa a valorização e o fortalecimento das entidades de matrizes africanas. Ao todo, serão apoiados 16 blocos afro, que desfilarão pelo circuito da folia em Feira de Santana. Além disso, a Secult vai apoiar palcos alternativos e trios sem cordas.

Durante o lançamento, foram anunciados alguns dos artistas patrocinados pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura, e da Superintendência de Fomento ao Turismo da Bahia, vinculada à Secretaria de Turismo do Estado (Setur). Entre as atrações que terão apoio estadual para se apresentar na Micareta estão os cantores Daniela Mercury, Adelmário Coelho, Ayla Menezes, Maryzelia, Paula Sanfer, Mônica Sangalo, Márcia Porto, Carol Pereyr e Marcionilio; e os grupos Saiddy Bamba, Malê Debalê, Filhos de Gandhy, Banda Didá e Camutiê. Para o Arrastão, realizado na segunda-feira (22), foi anunciada a banda Roça Sound.

Em ação inédita, o Governo do Estado promoverá ainda festas pré-Micareta em distritos de Feira de Santana, que serão realizadas no sábado (13), em Humildes, onde o público contará com as apresentações do grupo Parangolé, Afropop, Dionorina e Girlan Suzart; e no domingo (14), em São José, com Psirico, Cescé Amorim e Samba Duro Baraúna.

O objetivo é levar o clima festivo, valorização cultural e geração de emprego e renda também para o interior do município, antes de o circuito oficial da folia ser aberto.

O secretário de Cultura, Bruno Monteiro,  enfatiza que a festa é também um importante momento de desenvolvimento econômico, de distribuição de renda e geração de empregos.

“O Governo está presente com apoio à cultura, especialmente à cultura afro, à cultura local de Feira de Santana, com a valorização das atrações da terra, apoio ao turismo, às ações de segurança pública, de saúde, de proteção e respeito aos direitos das pessoas. Tudo isso é essencial para uma festa desse tamanho, dessa dimensão e com essa importância”, declarou Bruno Monteiro.

Operação de segurança

A Operação da Segurança Pública para a Micareta de Feira vai contar com um efetivo de cerca de 9,5 mil agentes, entre policiais militares, civis, penais, da Polícia Técnica, do Corpo de Bombeiros Militares e servidores da própria Secretaria da Segurança Pública. Ao todo, serão montadas 74 estruturas, sendo 45 postos elevados de observação – 32 da Polícia Militar e 13 do Corpo de Bombeiros -, sete postos da Polícia Civil, dois da Polícia Técnica e seis da SSP, além de 31 postos policiais.

O secretário de Segurança Pública Marcelo Werner, destaca a abrangência da atuação dos agentes de segurança na festa. “Temos o maior investimento da história do Governo do Estado em segurança pública: são R$10,5 milhões.  Instalamos uma Central de Comando e Controle, onde os órgãos municipais, estaduais e federais estarão atuando para atender rapidamente qualquer ocorrência. Tudo para proporcionar uma ótima festa para todos os baianos e baianas, feirenses e aqueles que vierem curtir a Micareta de Feira”, pontuou o titular da SSP.

Assim como é realizado nos acessos do Carnaval em Salvador, serão instalados oito portais de abordagem no acesso ao circuito da Micareta, que também terá um aparato tecnológico, com o emprego de 53 câmeras, sendo 22 com reconhecimento facial, incluindo uma em cada portal de abordagem. O efetivo ainda estará equipado com 330 rádios Tetra.

Todos os detalhes da micareta serão acompanhados através do Comitê Integrado de Inteligência e Análise, com a presença das Agências Centrais de Inteligência do Estado da Bahia, promovendo a análise de informações e proporcionando o assessoramento técnico às autoridades. Com isso, as equipes de segurança que estão em campo podem ser acionadas e fazer o atendimento em tempo real. A operação de segurança também vai contar com dois Centros Integrados de Comando e Controle móveis.

Ações de saúde

De acordo com a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), 470 plantões planejados irão reforçar a assistência, acompanhar e atender à população durante os dias da festa. A Vigilância à Saúde vai manter um estande de testagem rápida para Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) e distribuir 500 mil preservativos, além de materiais informativos, para prevenir a propagação de doenças e a gravidez indesejada.

Os foliões contam ainda com o Centro de Atendimento a Múltiplas Vítimas, que será imediatamente acionado em caso de desastres ou emergência com múltiplas vítimas.

“Temos investimento de mais de R$730 mil aqui. Nós estamos reforçando a assistência do Hospital Clériston Andrade, duplicando a capacidade de plantão do ano passado. A idéia é a gente trabalhar também nesse período de festa, na prevenção da saúde, uma ação importante do Governo do Estado e a gente fica feliz por reforçar essa assistência aqui”, declarou a secretária da Saúde, Roberta Santana.

A Hemoba também estará presente, através de campanhas de publicidade para promover a doação de sangue. Além disso, a Corregedoria da Saúde vai realizar ações de fiscalização em unidades assistenciais para verificar o cumprimento das escalas e jornadas de trabalho e aplicar possíveis ações correcionais. Já a Ouvidoria da Sesab estará disponível, através do 0800 284 0011, para avaliar o atendimento dos foliões nos serviços de Saúde.

Plantão Integrado

Pelo segundo ano consecutivo, a Secretaria da Justiça e dos Direitos Humanos do Estado (SJDH) vai implantar o Plantão Integrado dos Direitos Humanos na Micareta de Feira. O conjunto de ações tem como objetivo fortalecer e integrar a rede de atendimento, enfrentamento, combate e prevenção à violação de direitos humanos em grandes eventos. O Plantão reúne diversos órgãos e entidades da sociedade civil que atuam de forma conjunta na proteção e defesa dos direitos humanos nos eventos populares da Bahia.

Este ano, haverá dois postos do Plantão, um localizado no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, na rua Vasco Filho, e outro no circuito da Micareta, na avenida Presidente Dutra. Nos quatro dias de festa, equipes fixas e volantes estarão espalhadas pelo circuito para identificar e encaminhar os casos de violações de direitos, além de realizar a mobilização com distribuição de material informativo, insumos e pulseiras de identificação para crianças.

“Serão 100 profissionais circulando no espaço da festa, acolhendo as denúncias de violação de direitos humanos, orientando sobre como atender as foliãs e os foliões e, além disso, prevenindo com a mensagem de paz, garantia e proteção de direitos”, apontou o secretário da Justiça e dos Direitos Humanos, Felipe Freitas.

A Coordenação Geral de Políticas de Juventude (Cojuve) terá o papel de acompanhar os casos de violações de direitos das juventudes na festa, além de promover campanhas informativas e visitas às ações e equipamentos do Estado localizados no circuito da festa. O público-alvo da ação são grupos vulnerabilizados, como crianças, adolescentes, pessoas com deficiência, idosos, LGBTQIA+, consumidores, mulheres, pessoas negras e catadores de materiais recicláveis.

Também serão realizadas as campanhas “Respeito é Nosso Direito”, destacando a importância do Disque 100 para a denúncia da violação de direitos; e “Segure sua Onda!”, que visa conscientizar às juventudes referentes a pautas sensíveis, como combate ao racismo, machismo e redução de riscos e danos. Faz parte da campanha a distribuição dos guias de Proteção Integral, que reúne informações de toda a rede, e de Acessibilidade e Inclusão em Eventos Populares, com orientações para o atendimento das pessoas com deficiência.

Assistência e acolhimento

A Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (Seades) é um dos órgãos que faz parte do Plantão Integrado dos Direitos Humanos, coordenando a atuação do Programa Corra pro Abraço no circuito e no entorno da festa, com iniciativas de redução de danos para populações vulneráveis. Haverá ainda a distribuição de insumos, como água, preservativos, lubrificantes, kits de higiene e materiais informativos, assim como orientações sobre autocuidado para a população em situação de rua e vulnerabilidade social. Também será assegurado atendimento para pessoas que estejam em contexto de uso de substâncias psicoativas.

Para esta ação, estima-se que serão realizados cerca de mil atendimentos. Os serviços também serão ofertados na sede do Corra, localizada na Rua Felinto Marques de Cerqueira. Equipes volantes, equipadas com mochilas térmicas e insumos irão transitar entre os foliões, realizando atendimentos e intervenções às pessoas que estejam em contexto de uso de substancias psicoativas (SPA). Serão priorizadas as pessoas em situação de rua e/ou vulnerabilidade social.

Combate ao trabalho infantil

Durante o período de folia, a Seades também vai desenvolver a campanha Proteja Bahia, contra o trabalho infantil e a exploração sexual de crianças e adolescentes. A equipe itinerante da campanha estará presente no circuito, nas proximidades e portais de acesso à cidade, para distribuir material informativo e divulgar ao público canais de denúncia contra a violação dos direitos infantis.

Promoção do respeito às mulheres

A Secretaria de Políticas Para as Mulheres (SPM)  vai reforçar as ações de sensibilização através da campanha ‘Oxe, Me Respeite!’, para garantir a proteção e a igualdade de gênero durante a folia. Para isso, a Unidade Móvel de Atendimento às Mulheres da SPM estará em Feira de Santana, para atendimento, encaminhamento e acolhimento multidisciplinar com serviço jurídico, de saúde e psicossocial.

Entre as ações, haverá a ativação da campanha Laço Branco, com distribuição de pulseiras no Bloco Lá Vem Elas, de concentração de público masculino. Todo o trabalho será feito de acordo com a Política Integrada com a Rede de Enfrentamento à Violência contra a Mulher, em parceria com a Defensoria Pública, o Ministério Público, a Ronda Maria da Penha, o Tribunal de Justiça, o Hospital da Mulher, a Secretaria de Saúde, a Secretaria de Segurança Pública, as prefeituras do interior, CRAM e CREAS.

Combate ao racismo

A Secretaria da Promoção da Igualdade Racial (Sepromi) também vai colocar o bloco na rua, com iniciativas transversais dos órgãos do Governo do Estado e da Rede de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa, durante a Micareta de Feira de Santana. A Secretaria vai disponibilizar a Unidade Móvel do Centro de Referência de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa Nelson Mandela, com equipe multiprofissional composta por advogada, psicóloga e assistente social, que ficará disponível, das 16h às 22h, na Avenida Presidente Dutra, próximo aos Correios.

Outro local de atendimento será no Posto Integrado de Atendimento Técnico Leandro Menezes, no Cruzamento da Av. João Durval com a Avenida Presidente Dutra, sentido Salvador, das 16h às 22h. As denúncias de casos de racismo e intolerância religiosa também podem ser feitas pelo telefone (71) 3117-7448 ou pelo email [email protected].

Mais sustentabilidade

Uma ação conjunta entre as secretarias estaduais do Meio Ambiente (Sema), do Trabalho, Emprego e Renda (Setre) e da Justiça e Direitos Humanos (SJDH) vai promover a Micareta Sustentável e Solidária de Feira de Santana. A ação prevê o investimento de aproximadamente R$ 180 mil, com financiamento de R$ 20 mil, através do Programa Estadual de Pagamento por Serviços Ambientais (Pepsa), para atender cerca de 130 catadores de materiais recicláveis. O objetivo é fortalecer empreendimentos da cadeia produtiva de reciclagens de resíduos sólidos, proporcionando melhores condições de trabalho e renda para os catadores de materiais recicláveis.

A iniciativa conta com duas centrais de coleta, localizadas em pontos estratégicos, para recebimento e comercialização de alumínio, pet e plástico, eliminando a ação de atravessadores. O projeto oferece ainda fardamento adequado (calça, camisa, boné), EPI’s (botas, luvas, camisas) e equipe técnica para execução do projeto. Estão previstos o cadastramento de 100 catadores/as de materiais recicláveis autônomos e 30 associados; entrega de 130 kits de equipamentos de proteção individual e fardamento; disponibilização de 200 sacos de ráfia para catadores (as) de materiais recicláveis autônomos; destinação final dos resíduos; entre outras ações.

Promoção do turismo

A Secretaria do Turismo do Estado (Setur-BA) começou a folia antes do início da festa, promovendo a regulação de serviços, capacitação profissional e levantamento e controle da qualidade dos meios de hospedagem. Além disso, um posto de atendimento ao turista e agentes de informação irão fornecer orientações sobre a programação no circuito Maneca Ferreira e sobre equipamentos e pontos turísticos da região. A secretaria também vai aplicar uma pesquisa sobre o perfil do visitante e avaliação dos serviços oferecidos.

“Vamos realizar pesquisas para identificar a origem dos turistas aqui na festa, o tempo de permanência, quanto eles gastam. Estas informações são muito importantes porque elas servem para o planejamento das futuras ações da Secretaria do Turismo”, destacou o secretário de Turismo, Maurício Bacelar, apontando a micareta de Feira de Santana como a maior festa de carnaval do interior da Bahia.

Vistoria de trios elétricos

Cerca de 30 trios elétricos, carros de apoio e minitrios estão passando pela vistoria prévia. O Detran, através da 3ª Ciretran Feira de Santana, compõe uma das três equipes de Fiscalização Preventiva Integrada – (FPI), que é composta também pelo Corpo de Bombeiros, CREA, Superintendência Municipal de Trânsito, entre outros. Esta equipe é responsável pela fiscalização e vistoria nos trios elétricos, carros de apoio, blocos e demais veículos que estarão a serviço durante a Micareta 2024. Só terão acesso ao desfile os carros vistoriados e condutores autorizados a circular entre a multidão.

As vistorias estão sendo realizadas no Parque de Exposições do Município, por equipes da 3ª Ciretran, em escala de revezamento. As vistorias dos veículos prestadores de serviços iniciaram no dia 1º de abril e encerrarão no dia 10 de abril. Já os carros de apoio e os trios elétricos terão as vistorias realizadas entre os dias 11 e 18 de abril. Motoristas dos grandes carros passarão pelo teste do etilômetro, antes de cada apresentação, para garantir a segurança de quem trabalha ou curte a festa.

Fiscalização e Educação no trânsito

Durante todos os dias da Micareta de Feira de Santana, equipes do Detran-BA junto com o Esquadrão Asa Branca da PM, irão realizar fiscalização nos arredores do circuito da folia, a fim de impedir o uso de álcool e direção, e prevenir acidentes, preservando vidas. O órgão também vai promover ações educativas já no Esquenta Micareta, com distribuição de panfletos de orientação para um trânsito seguro e conscientização de condutores. As ações de educação para o trânsito seguem durante a programação oficial.

Entre as operações realizadas pelo Detran estão ainda as Blitze Educativas, com distribuição de ventarolas e panfletos com informações relativas à segurança no Trânsito; e Lei Seca, em parceria com o Esquadrão Asa Branca da PMBA. As ações serão desencadeadas nos dias 18, 19, 20 e 21 de abril de 2024, no período das 12h às 4h.

Distribuição de água potável

A Embasa fez a doação de 3.120 unidades de copos de água de 200 ml, sendo 1.200 entregues para a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH), em apoio ao Plantão Integrado de Proteção,  e 1.920 unidades serão encaminhadas para a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social do Estado da Bahia (Seades), por meio da Superintendência de Políticas Sobre Drogas e Acolhimento a Grupos Vulneráveis (Suprad), para fomentar as ações a serem realizadas pelo Programa Corra Pro Abraço.

A Embasa também vai promover serviço de limpeza preventiva na rede de esgoto;  pesquisa de vazamento no circuito; direcionamento de equipes que ficarão à disposição durante o evento; e efetuar ligações provisórias das instituições mediante solicitação.

Micareta da Diversidade

Neste ano de 2024, a Bahiagás está investindo, mais uma vez, no patrocínio do projeto “Micareta da Diversidade”. Em sua 3ª edição, a iniciativa tem por objetivo integrar diversas expressões culturais na Micareta de Feira de Santana, estimulando e divulgando projetos artísticos da cidade para apresentação em trios elétricos e, também, em formato tradicional de marchinhas. A intenção é preencher uma lacuna entre a classe artística negra e LGBT, e as entidades culturais representativas. A iniciativa é feita em parceria com a Associação de Bandas e Artistas de Feira de Santana (BANDAFS) e, para o projeto, está prevista a concessão de patrocínio no valor de R$ 30 mil.

Repórter: Anderson Oliveira

Fotos Matheus Landim GOVBA

Continue Reading

Cultura